O futuro do Agro para os próximos 10 anos

24/05/2021 - Produtores Rurais

Em tempos de pandemia onde a economia mundial enfrenta uma grande crise, podemos destacar o Agro como o único setor brasileiro que não sofreu grandes impactos e continuou seu desenvolvimento. O fato é que o agronegócio brasileiro continua alimentando grande parte do mundo com sua demanda de exportação de grãos batendo recorde após recorde. Com a produção agrícola em alta, o que esperar do agronegócio para os próximos anos?

A fome dos Países asiáticos

Segundo Kellen Severo, jornalista especializada em economia e agronegócio, vários fatores serão grandes responsáveis para a transformação e evolução do setor. Um desses fatores é a busca por produtos do agronegócio, que vem aumentando a cada ano. Alta esta, relacionada ao crescimento do PIB Asiático, reforçando-os como nosso maior importador de grãos. Esse aumento do PIB também gera algumas mudanças no poder aquisitivo dos Asiáticos provocando alterações na pirâmide alimentar, onde buscam por mais proteínas e grãos de boa qualidade. Insumos agrícolas que o Brasil consegue atender com maestria.

Com essa crescente demanda, os produtores rurais acabam aumentando seus investimentos em gerenciamento agrícola, equipamentos de irrigação, máquinas agrícolas e tecnologias diversas, permitindo que a sustentabilidade se torne um grande aliado, gerando um diferencial competitivo para o futuro do agronegócio no Brasil.

De volta pra casa

Outro fator importante para o desenvolvimento do Agro é o que podemos chamar de “êxodo urbano” que é a volta dos jovens aos campos. Durante esse período de pandemia vários destes jovens se tornaram reféns de faculdades fechadas, trabalhos em home-office e vários outros fatores. Eles tiveram a oportunidade de voltar aos campos de origens, onde essa volta vem acompanhada de um boom de tecnologia na agricultura. O fluxo migratório traz diversas atividades como digitalização, gestão do agronegócio, startups, novas tecnologias. É a evolução para o desenvolvimento do agronegócio dentro e fora da porteira.

Outro local que também é reflexo destas ações são os portos brasileiros. Reformas, avanços tecnológicos e redução dos custos referentes a logística são ações positivas que aumentam nosso poder de exportação.

O agro não para

O agronegócio está preparado para este desenvolvimento. Desde empresas agropecuárias com as evoluções tecnológicas aumentando o controle das safras nos campos e na produção rural em virtude do êxodo urbano, até o desenvolvimento dos portos para o aumento de exportação de grãos e afins. A expectativa é que todos os setores do Agro obtenham melhores resultados e as próximas projeções são de aumentar ano após ano, a sua produção agrícola, aliada ao desenvolvimento. Seguindo a tendência atual, o Agronegócio continuará sofrendo grandes mudanças nos próximos anos, nos elevando a maior potência produtora e exportadora de grãos do mundo.

Deixe o seu comentário compartilhando a sua opinião conosco!

COMPARTILHE

DEIXE SEU COMENTÁRIO

VEJA TAMBÉM

Entenda o que é agricultura de baixo carbono e a sua importância para o meio ambiente

20 outubro, 2016 - Produtores Rurais

Você sabia que a produção de alimentos é uma das vertentes do setor agrícola que mais contribuem com o desequilíbrio do efeito estufa? Veja neste artigo os benefícios da agricultura de baixo carbono. Não perca!

LEIA MAIS

4 passos para ter uma fazenda modelo

03 dezembro, 2015 - Produtores Rurais

Você sabe o que é uma fazenda modelo? Nós vamos te explicar como funciona esse novo conceito em propriedade rural e mostrar alguns exemplos bem sucedidos. Acompanhe!

LEIA MAIS

4 dicas para melhorar a produtividade na agricultura

03 novembro, 2015 - Produtores Rurais

Quer aumentar sua produção agrícola sem ter que aumentar a área de plantio? Listamos aqui quatro dicas que podem te ajudar nessa tarefa.

LEIA MAIS

FAÇA SUA BUSCA

CONHEÇA NOSSOS EBOOKS

Conteúdo para você entender ainda mais do seu negócio. Clique aqui

MÓDULOS SOFTWARE AGROW

  • MÓDULO
    COMERCIAL

    Gestão de estoque e custos, gerenciamento de compras, vendas e faturamento, operações de entradas e saídas, tabelas de preços, transferências, comissões e/ou serviços com os parceiros (clientes/fornecedores).

    CONHEÇA
  • MÓDULO
    FINANCEIRO

    Gerenciamento de despesas e receitas, conciliações, saldos bancários, centros de resultados, naturezas, projetos, controle de cheques, boletos, fluxo de caixa e agenda financeira.

    CONHEÇA
  • MÓDULO
    FISCAL

    Cálculo automático dos impostos e tributações de acordo com o produto e a UF de origem/destino, geração do SPED Fiscal, SPED Contribuições, nota fiscal eletrônica e ECF (Emissor de Cupom Fiscal).

    CONHEÇA
  • MÓDULO
    AGRONÔMICO

    Consulta ao compêndio eletrônico de defensivos agrícolas e bulas de produtos formulados, geração do receituário agronômico, ficha de emergência, e histórico com fotos de pragas e doenças.

    CONHEÇA
  • MÓDULO
    RELACIONAMENTO

    Gerenciamento do perfil do cliente, áreas cultivadas, potencial de compra, apontamento das visitas técnicas inclusive com a adição de fotos, Cropbook e Customer Life.

    CONHEÇA
  • MÓDULO
    INTEGRAÇÃO

    Integração com fabricantes como Bayer, Basf, Syngenta e os demais, órgãos reguladores como IMA, Agrodefesa, IDAF e os outros, instituições bancárias, fornecedores (xml nota fiscal eletrônica) e filiais.

    CONHEÇA
  • MÓDULO
    GESTOR

    Domínio sobre todas as operações do sistema, através de auditoria, painéis de decisões estratégicas (dashboards), relatórios dinâmicos e controle das movimentações.

    CONHEÇA
  • MÓDULO
    FROTA

    Controle de veículos e máquinas, apontamento de abastecimento e apuração do consumo, acompanhamento das manutenções preventivas e corretivas, além do registro da produtividade por máquinas e atividades.

    CONHEÇA
  • MÓDULO
    PRODUTOR

    Gestão das unidades produtivas, culturas, variedades, lavouras, talhões e roças. Aplicações de defensivos e fertilizantes, produção agrícola, colheita, armazenagem e comercialização.

    CONHEÇA